Puros opostos

07:11


Ele era razão
Ela era emoção
Ele era marrom
Ela era amarelo
Ele era exatas
Ela era humanas  
Ele era campo
Ela era urbana
Ele sabia fazer
Ela sabia sentir
Ele era sol
Ela era lua
Eles eram tão diferentes
Tão iguais
Duas almas se reconhecem
E eles eram duas metades de um inteiro de amor
Um amor que se completa
Que acrescenta
Que exalta
Eles eram amor
Um amor sereno e delicado
Intenso e incendiário
Eles eram dois
Mas eram um
Ele era dela
E ela era dele
E nessa mistura de opostos
Eram a coisa mais pura que já existiu

Você encontra esses e outros poemas no perfil do Nostalgia Cinza no Instagram: @nostalgiacinza.

You Might Also Like

2 comentários

  1. Olá!!
    Também tenho meu exatas, e sou de humanas. Amores assim dão certo, e são lindo demais.
    Lindo texto!

    beijo
    http://eu-ludmilla.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muita felicidade e muito amor pra vocês <3

      Excluir

recent posts

Like us on Facebook

Twitter