Resenha: A Química

07:43


Confesso que fiquei animadíssima quando vi que Stephenie Meyer lançaria outro livro, dessa vez voltado para o público adulto. Os livros de Crepúsculo foram uma parte essencial da minha vida como leitora e estava muito curiosa para saber como Meyer trabalharia um universo tão diferente, uma ficção que, dessa vez, poderia muito bem ser real.
“Ela trabalhava para o governo americano, mas poucas pessoas sabiam disso. Especialista em seu campo de atuação, era um dos segredos mais bem guardados de uma agência tão clandestina que nem sequer tinha nome. E quando perceberam que ela poderia ser um problema, passam a persegui-la. A única pessoa em quem ela confiava foi assassinada. Ela sabe demais, e eles a querem morta. Agora ela raramente fica em um mesmo lugar ou usa o mesmo nome por muito tempo.
Até que um antigo mentor lhe oferece uma saída — uma oportunidade de deixar de ser o alvo da vez. Será preciso aceitar um último trabalho, e a única informação que ela recebe a esse respeito só torna sua situação ainda mais perigosa. Ela decide enfrentar a ameaça e se prepara para a pior batalha de sua vida, mas uma paixão inesperada parece diminuir ainda mais suas chances de sobreviver. Enquanto vê suas escolhas se evaporarem rapidamente, ela vai usar seus talentos como nunca imaginou.
Uma trama repleta de tensão, na qual Meyer cria uma heroína poderosa e fascinante, com habilidades diferentes de todas as outras, e prova mais uma vez por que seus livros estão entre os mais vendidos do mundo.”

Não sabia muito bem o que esperar desse novo livro da Stephenie Meyer. Não cheguei a ler A Hospedeira então ainda não tinha tido contato com o lado mais adulto de Stehenie Meyer, não sabia muito o que esperar de sua narrativa. Apesar de não ter achado tão adulto assim (não foram muitas cenas de violência, não tinha sexo explícito ou vocabulário chulo), gostei das descrições da autora para certos momentos sangrentos. Acredito que Meyer está no caminho certo ao se voltar para outro público, penso que sua forma de escrever e tratar alguns assuntos amadureceu bastante.
A Dra. Juliana Fortis foi recrutada desde cedo pelo governo americano para trabalhar produzindo químicos específicos para os interrogatórios mais sigilosos e essenciais. Ela era mestre no que fazia, não por opção, mas por habilidade. Conseguia todas as informações que precisava sem deixar marcas em seus alvos.

Ao longo de toda a leitura me surpreendi com Stephenie pela descrição em detalhes de estratégias de espionagem, emergências médicas, preparação de químicos para a tortura, procedimentos de segurança e defesa pessoal. Fica claro que não foi um livro escrito às pressas, houve um estudo por trás daquilo, um cuidado especial para enfatizar a veracidade e a possibilidade daquilo que está sendo narrado. Quando cheguei aos agradecimentos minhas suspeitas foram comprovadas com base na longa lista de fontes que a autora faz referência e agradece pela ajuda.
Os personagens são um ponto alto da história. Os protagonistas têm personalidades marcantes e bem definidas. O envolvimento dos personagens é muito interessante e, algumas vezes, bem divertido de ler. Juliana, ou Alex (nome escolhido por ela), é muito introspectiva e antissocial mesmo antes de assumir sua função para o governo. É uma protagonista com uma personalidade bacana, muito bem construída, um perfil bem trabalhado. É extremamente inteligente e isso me agradou bastante, ela não é omissa em nenhum momento e tem o clássico perfil de uma mulher forte e independente.
Gostei bastante de como o romance não foi o centro da história, e Meyer, em momento algum, fragiliza a protagonista em prol de um romance, ainda mais porque não cabia algo assim na narrativa. Talvez, por esse romance ter sido deixado em segundo plano, senti falta de uma explicação plausível para a atração dos protagonistas. A princípio o romance não me convenceu, dadas as circunstâncias em que ele começou. Ao longo da leitura ele vai ficando mais sólido e isso foi um alívio.
Demorei um pouco para entrar no ritmo da leitura, apesar de ter lido em pouco tempo. Senti falta de algum elemento eletrizante na narrativa. Stephenie consegue manter o suspense, a escrita descritiva e detalhada e trabalha muito bem a personalidade dos personagens, mas senti falta de algo que me fizesse passar as paginas faminta por mais. Isso não tira os créditos da história, é uma narrativa muito boa.
O tempo todo parecia que eu estava lendo um possível roteiro de filme, é uma história quase feita para as telonas. Seria um ótimo filme, bem eletrizante e repleto de suspense. Acho que as probabilidades de realmente se tornar um longa são altas levando em conta que seu outro romance escrito para adultos também foi adaptado aos cinemas.
A narrativa é redondinha, muito bem construída. Começo, desenvolvimento e fim foram bem explorados e escritos. Não senti falta de nenhum detalhe da história, nada que tenha faltado nesse sentido, nenhuma ponta solta. É um daqueles livros para se ler sem se preocupar com uma possível continuação ou com enrolação para guardar elementos para um futuro. Stephenie entrega ao leitor uma história muito bem escrita, perfeita para tirá-lo do mundo um pouquinho.


A Química foi escrito por Stephenie Meyer publicado pela editora Intrínseca.

            Classificação: 4/5 estrelas.

“Ela estremeceu, mas ele, com os olhos fixos nos acessórios, não reparou.
- Não preciso usá-los com muita frequência. – Ela tocou de leve o alicate, depois alisou o enorme bisturi. – Meus serviços são solicitados quando querem deixar o alvo mais ou menos... intacto. – Ela roçou no alicate corta-cabo ao pronunciar a sílaba tônica da última palavra. – De qualquer maneira, não preciso realmente desses instrumentos. – Ela deu um peteleco no tubo do maçarico, provocando um som agudo. – Adivinha por quê?
Ele não respondeu, paralisado de terror. Estava começando a perceber. Sim, era tudo verdade.
[...]
- Vou lhe dizer por quê – continuou ela, com uma voz tão baixa que era quase um sussurro. Inclinou-se com um ar conspiratório, mantendo um meio sorriso doce e pesaroso que não se refletia nos olhos. – Porque o que eu faço dói... muito... mais.
Gostou da resenha? Já leu o livro ou ficou com vontade de ler? Então não esqueça de deixar uma curtida ou um comentário ;)

You Might Also Like

17 comentários

  1. Hummm amo a escritora. Fiquei com super vontade de ler, mesmo!
    Já está na minha wish...
    Amei tua resenha! <3

    um beijoo

    www.chuvanojardim.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Laura, tudo bem com você?
    Tenho um grande carinho pela Stephenie Meyer, foi graças a saga Crepúsculo que eu comecei a ter um interesse pela leitura e isso mudou completamente a minha vida. Fiquei interessada quando soube que ela estava lançando um novo livro, dessa vez voltado para o público adulto.
    E como sempre a sua resenha está ótima, meus parabéns!
    Bjs e sucesso com o blog!

    ResponderExcluir
  3. Excelente resenha deu vontade de ler, parabéns pelo blog!!

    ResponderExcluir
  4. Gostei muito da sua resenha!! Se ela não foca o romance, parece que ela evoluiu muito como escritora!! Fiquei um pouco decepcionada por ela não continuar A Hospedeira mas estou ansiosa para ler esse livro.

    ResponderExcluir
  5. Excelente resenha! Quero participar do sorteio

    ResponderExcluir
  6. Olá!

    Fiquei ainda com mais vontade de ler este livro.
    Eu sou super suspeita para falar sobre a Stephenie Meyer, porque ela escreveu umas das minhas primeiras séries que eu li e que realmente fizeram parte da minha adolescência.
    Elaaaa criou o Vampiro mais sexy e romântico da história hahaha apaixonite ainda existe em mim.
    A Quimica está com tudo para ser também uma leitura marcante, ADORO MISTÉRIOS!
    Ansiosa para viajar nessa nova aventura :)

    ResponderExcluir
  7. Ameeei a sua resenha!! Eu já queria ler esse livro, agora então estou doida de curiosidade!! Adoooro suspense!!
    Agora eu vou torcer pra conseguir ganhar o livro no sorteio!!! *-*

    ResponderExcluir
  8. Muito interessante este livro. Depois de sua resenha então... mais vontade de ler.
    Parabéns!

    ResponderExcluir
  9. Eu quero tantooo ganhar esse livro...
    Não tenho sorte para ganhar sorteios, mas nunca perco a esperança..
    Essa resenha me causou palpitaçoes de ansiedade.

    ResponderExcluir
  10. Nossa, já quero esse livro.
    Entro na minha wishlist de natal!
    Apesar de crespúsculo ser uma saga bem teen eu gosto deles, fazem parte da minha adolescência. Pretendo relê-los agora depois de adulta.
    E A Hospedeira eu tenho o livro mas nunca li, mas tá na minha TBR.
    Amei o blog. =)

    ResponderExcluir
  11. Resenha excelente. Dá ainda mais vontade de ler.
    Quero muuuuuuuuuuuuuito ganhar esse livro no sorteio. ��

    ResponderExcluir
  12. Resenha maravilhosa <3 to MUITO ansiosa pra ler esse livro! Crepúsculo foi parte importante da minha vida e depois ela lançou A Hospedeira e eu odiei kk então to com muitas expectativas pra esse <3

    ResponderExcluir
  13. Fantástica resenha! Super ansiosa para ler o livro... <3

    ResponderExcluir
  14. Participando
    Marinahelena21@gmail.com

    ResponderExcluir
  15. Quero muito ler, sou uma grande fã da tia Stephenie <3 A única coisa que me incomodou na resenha é saber que vai ter romance. Eu sei que ela ficou famosa por causa disso mesmo, mas espero que um dia ela faça um livro onde a personagem não se envolva romanticamente com alguém haha
    Facebook: Larissa Santos
    Nome: Larissa Santos Soares da Silva
    Twitter e Instagram: @terriblelovvve

    ResponderExcluir

recent posts

Like us on Facebook

Twitter